Entre em contato conosco

    Home » Blog

    Blog

    Tipos de Próteses de Silicione

    As próteses de silicone evoluíram muito nos últimos anos a ponto de hoje em dia dispormos de um arsenal de opções que facilita muito a escolha do melhor implante a ser usado.

    O silicone interno é mais coeso, de gel coesivo, apresentando maior união molecular e conferindo maior segurança aos mesmos e aos tecidos vizinhos. Com relação ao revestimento, as próteses se dividem em 3 grandes grupos:

    • As lisas, sempre usadas por baixo do músculo.
    • As texturizadas, podendo ser empregadas tanto por cima como por baixo do músculo.
    • As com espuma de poliuretano, de baixíssimo índice de contratura e geralmente usadas por cima do músculo. Minha opção pessoal.

    Os formatos podem ser redondos ou mais naturais; os chamados anatômicos ou naturais (gota ou pêra). Cada formato tem as suas indicações específicas, sendo ambos utilizados de acordo com o caso e a preferência.

    A projeção mede o afastamento ânteroposterior da prótese, ou seja, o nível de afastamento que seu ponto mais alto apresenta em relação à sua base. As projeções disponíveis variam da baixa, média, alta e extra-alta ou super-alta. As mais utilizadas são a alta e a extra-alta.

    Com relação aos volumes, estes sim apresentam uma variação ampla. Podemos ter próteses de pouco mais de 100 ml até a casa dos 500 ml.

    Desta forma, nos dias atuais, a variação das próteses vai muito além de seu volume. Podemos lançar mão destas variáveis para ter um resultado mais personalizado a cada caso.

    Dr. Guilherme Ribeiro

    cirurgião plástico que se dedica à cirurgia plástica há mais de 15 anos, em uma trajetória pautada pela ética, excelência técnica e constante atualização.